Com lema ‘todos pela vida’, Centec faz ação educativa contra o suicídio - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

quinta-feira, 3 de setembro de 2020

Com lema ‘todos pela vida’, Centec faz ação educativa contra o suicídio


A educação é uma das principais formas de conscientização. Com esse foco, o Centro de Ensino Técnico (Centec) lança nesta sexta-feira (4) sua participação na campanha Setembro Amarelo, que alerta para a prevenção ao suicídio. Com o lema ‘todos pela vida’, a escola quer dar sua parcela de contribuição ao problema que atinge mais de 800 mil pessoas por ano no planeta, a cada 40 segundos, conforme estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), e que no Amazonas também é uma triste realidade, especialmente entre jovens.

Além dos estudantes e profissionais da educação, o ‘Centec Amarelo’ visa contemplar o público em geral, por isso, além de atividades internas, a programação conta também com diversas ações virtuais, incluindo lives com especialistas, vídeos educativos e aconselhamento psicológico gratuito, por telefone.

“Como instituição de ensino, com cursos voltados para todas as áreas, é de suma importância discutir e alertar sobre o suicídio, pois 90% dos casos podem ser evitados”, comenta a professora e psicóloga especialista em RH e neuropsicologia, Cynthia Lima Montenegro.

Ela será uma das especialistas a conduzir a live de abertura da campanha, às 17h de sexta, pelo Facebook do Centec. Estarão ainda no evento online a também professora e psicóloga Geisyane Quinco Barbosa e o fisioterapeuta, especialista em gerontologia e saúde mental, Wanderley Correia, fundador do Projeto Viver Mais.

“Agora é o momento de falar sobre a importância da saúde mental para todos, pois muito se fala em saúde física, mas não se dá o devido valor à saúde mental. Vamos abordar também dicas de como saber se a pessoa está querendo cometer o ato e o que fazer para ajudar”, enfatiza Cynthia Montenegro.

Aconselhamento

Outra importante ação no contexto do Centec Amarelo são os atendimentos gratuitos para aconselhamento psicológico, que serão realizados sob agendamento prévio. Os interessados em receber a ajuda devem contatar o número 99223-1580 e agendar. O atendimento voluntário, denominado de ‘vamos conversar’, ocorrerá em dias e horários previamente estabelecidos, por isso, com vagas limitadas.

Além da programação virtual, cuja agenda de atividades poderá ser consultada no site do Centec a parir de sexta-feira, algumas atividades lúdicas também farão parte da ação. Uma delas é um jogo de ‘amarelinhas’ que será montado em frente à escola, na Djalma Batista. Em cada ‘casa’ do jogo, haverá frases motivacionais referentes ao tema. Os pedestres serão convidados a interagir na brincadeira e ganharão brindes pela participação.

O encerramento do Centec Amarelo será dia 30 de setembro, às 10h, com uma carreata na ponte Rio Negro. A ação contará com a participação de todos os docentes, especialistas e colaboradores envolvidos na campanha. “Levaremos balões amarelos com mensagens motivacionais referentes ao tema macro e soltaremos os balões pela ponte, simbolizando o encerramento das atividades desse mês referente a conscientização sobre a problemática do suicídio”, informa a coordenadora de marketing da escola, Driele Cazumba.

Ela ressalta que, no Brasil são registrados anualmente 12 mil suicídios. Destes, de acordo com o Ministério de Saúde, mais de 96% estão relacionados a transtornos mentais, depressão, transtorno bipolar ou abuso de substâncias. Esses números colocam o suicido entre as três principais causas de morte de pessoas entre 15 e 29 anos no mundo. “São dados expressivos e muito preocupantes, então, como escola, como educadores e formadores de consciência, precisamos dar nossa parcela de contribuição ao Setembro Amarelo, sobretudo nessa época de pandemia, em que o isolamento social causa tanta angústia à humanidade”, comenta.

Foto: divulgação


Nenhum comentário:

Postar um comentário