‘Estamos renovando a frota e garantindo empregos’, diz prefeito, ao entregar mais de cem novos ônibus - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

terça-feira, 15 de setembro de 2020

‘Estamos renovando a frota e garantindo empregos’, diz prefeito, ao entregar mais de cem novos ônibus



Um total de 112 novos ônibus foi entregue pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, nesta terça-feira, 15/9, para modernizar a frota da capital. “Estamos renovando a frota e garantindo empregos”, disse Arthur, sobre a manutenção dos cobradores e reforçando que os veículos são parte do primeiro lote de 150 vindos diretamente da fábrica, que terá a remessa completa até o fim deste mês, somando 300 novos ônibus incorporados à frota ainda este ano.

A maioria dos ônibus novos entregues nesta terça-feira é do modelo “micrão”, ideal para circular em ruas menores dentro dos bairros. “Nos micrões não cabe a figura do cobrador, mas os ônibus seguintes que virão até o fim do ano serão maiores, alguns até articulados, terão cobradores, uma categoria que eu prezo muito, respeito e merece o direito ao emprego”, afirmou o prefeito, acompanhado da presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro, em solenidade na alameda do Samba, ao lado do Sambódromo, zona Centro-Oeste.



A chegada dos novos ônibus faz parte das medidas anunciadas e já em execução, para promover o equilíbrio do Sistema de Transporte Coletivo de Manaus, a partir da intervenção junto às empresas. De acordo com Arthur, a modernização não implicará em aumento da tarifa. “Não vamos aumentar a tarifa, porque se fizermos isso iremos tirar mais passageiros dos ônibus, que hoje enfrentam a concorrência de outros modais. O que tem que haver é uma melhor gestão das empresas e por isso fizemos a intervenção operacional, para que as empresas busquem o lucro que todo empresário deseja”, declarou.

Segundo o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), os novos ônibus são devidamente adaptados para pessoas com mobilidade reduzida, contando com elevador de acesso, espaço adaptado, além de cadeiras na cor amarela, conforme lei municipal, que torna todos os assentos do transporte coletivo de Manaus preferenciais para idosos, gestantes e pessoas com deficiência. “São ônibus modernos, muito bem feitos”, elogiou o prefeito.



Os veículos irão atender diversas zonas e devem tornar as viagens mais ágeis e pontuais. Do total de veículos entregues, 31 são da empresa Vega (14 convencionais e 17 micrões); 16 da empresa Coroado (12 convencionais e 4 micrões); 33 da Eucatur (micrões); 10 da Líder (micrões); 20 da Via Verde (micrões); e outros 2 da Global (micrões). A maior parte dos novos coletivos já possui ar-condicionado.

Na avaliação do prefeito, o ideal é que o sistema de transporte receba, todo ano, 300 ônibus novos. “Eu entendo que o ideal é colocar 300 ônibus novos por ano, para renovar a frota toda em quatro anos. Não pudemos fazer isso porque eu encontrei o sistema quebrado quando assumi a prefeitura, o que o próximo prefeito não enfrentará, por isso ele deve procurar fazer isso, mais 300 ônibus em cada ano, para melhorar ainda mais o sistema”, afirmou Arthur Neto.



Melhorias na mobilidade

A entrega dos ônibus novos integra um grande pacote de intervenções da Prefeitura de Manaus, para melhoria da mobilidade urbana. A primeira obra entregue foi o anel viário da Constantino Nery. O mobiliário urbano faz a interligação entre as zonas Oeste/Centro-Sul, por duas passagens subterrâneas, e Norte/Sul, por uma plataforma principal, melhorando o fluxo no trânsito e o transporte de passageiros, para as demais zonas da cidade.

O complexo viário também contempla uma inovação no sistema. Trata-se da estação de transferência São Jorge, que possibilita a conexão de linhas de ônibus utilizando o sistema de bilhetagem eletrônica com o uso do Cartão Cidadão. Essa estação é a primeira de uma sequência de quatro com a mesma dinâmica, que estarão situadas no perímetro do corredor Sul/Norte, entre os terminais de integração 1 (Constantino Nery) e 3 (Cidade Nova). Além da estação São Jorge, já entregue, as outras estações são a Arena, Santos Dumont e Parque das Nações, que serão concluídas até o final deste ano.



A Prefeitura de Manaus também entregará neste semestre o novo Terminal de Integração 6 (T6 – Lago Azul), assim como a reforma do T3 e a reestruturação do T1, que foi demolido para dar lugar a uma nova e moderna estação. Os terminais 4 e 5, Jorge Teixeira e São José, respectivamente, também estão no cronograma de melhorias.

Ainda no corredor Sul/Norte, a prefeitura está na reta final das obras do complexo viário Professora Isabel Victoria, no Manoa. Com uma área de abrangência de 283 mil metros quadrados, o complexo é composto por um viaduto, que transpassará por cima de uma rotatória, e um sistema binário de tráfego na área dos bairros Mundo Novo e Cidade Nova.



Os ciclistas também serão contemplados nas melhorias em mobilidade urbana. Ao todo, até o fim deste ano, 47,5 novos quilômetros de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas serão entregues, além de fazer o resgate histórico com a construção de um velódromo, após mais de um século do primeiro.

Para o prefeito, todas essas obras irão transformar a cidade até o final deste ano. “É um conjunto de melhorias que é uma estratégia da prefeitura, para oferecermos mais conforto e segurança para quem trafega de ônibus, carro ou moto pelas vias da cidade”, concluiu.

Com informações da assessoria do IMMU












Fotos – Mário Oliveira, Márcio James e Ingrid Anne / Semcom



Nenhum comentário:

Postar um comentário