Polícia Civil prende homem por abusar sexualmente do enteado de 14 anos, no bairro Aleixo - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

quarta-feira, 21 de outubro de 2020

Polícia Civil prende homem por abusar sexualmente do enteado de 14 anos, no bairro Aleixo



A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), sob a coordenação da delegada Joyce Coelho, com apoio da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM), prendeu, em flagrante, um homem de 29 anos, por abusar sexualmente de um adolescente de 14 anos. A prisão ocorreu nesta terça-feira (20/10), por volta das 21h, na sede da Especializada, na avenida Via Láctea, Conjunto Morada do Sol, bairro Aleixo, zona centro-sul da capital.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, a vítima, o menino de 14 anos, procurou a delegacia e relatou que mora com a mãe, as duas irmãs e o autor. Em depoimento, o adolescente informou que no mês de agosto o homem voltou a morar com eles, após dois anos de ter rompido o relacionamento amoroso com a mãe.

O menino disse ainda que, ao retornar para a casa deles, o homem começou a abusar sexualmente da vítima e a forçava sob ameaça e violência física. Se ele ousasse contar a alguém ou denunciasse, corria o risco de morrer. Então, no final da tarde de terça-feira, o adolescente resolveu contar a uma tia materna sobre os abusos, pois tinha acabado de sofrer e não suportava mais. Dessa vez, ele tentou fugir, porém achou melhor relatar para a tia, que levou o menino até a mãe e ele expôs os abusos para ela, que não desconfiava de nada.

“De acordo com o menino, os abusos vinham acontecendo desde o mês de agosto e, nesta terça também ocorreram. Foi quando ele, juntamente com a mãe e a tia, vieram até a delegacia e formalizaram a denúncia por meio do Boletim de Ocorrência (BO). Por essa razão, a delegada do plantão pediu apoio dos policiais militares para que fossem até o endereço da família e trouxessem o homem”, explicou Coelho.

Conforme a delegada, ao chegar à unidade policial, foi dada voz de prisão em flagrante a ele, que já responde por tentativa de homicídio, além de possuir a tornozeleira rompida. Ele possui um histórico de ser bastante agressivo e violento, motivo este que fez a vítima muitas vezes temer denunciar.

Prisão – O homem será autuado pelo crime de estupro de vulnerável. Ao término dos procedimentos, ele será encaminhado à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde passará por audiência de custódia.

FOTO: Erlon Rodrigues/PC-AM

Nenhum comentário:

Postar um comentário