TRÂNSITO - Obras no Distrito Industrial avançam e alteram tráfego de veículos em avenidas do local - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

sexta-feira, 16 de outubro de 2020

TRÂNSITO - Obras no Distrito Industrial avançam e alteram tráfego de veículos em avenidas do local



Com avanço das obras de revitalização das vias do Distrito Industrial, realizado pela Prefeitura de Manaus em parceria com a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), alguns trechos das avenidas Oitis, Solimões, Abiurana e Buritis estão sendo interditados para a continuidade do serviço de recapeamento nessas vias. Os desvios estão sinalizados e monitorados pelos agentes de trânsito do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

Essas interdições para o avanço das obras no Distrito devem durar, aproximadamente, 20 dias. Durante esse período, o tráfego será desviado em alguns trechos, com o acompanhamento dos agentes do IMMU. “Essa revitalização será um dos grandes legados que o prefeito Arthur Virgílio Neto deixará para a cidade. O transtorno é temporário, dentro de pouco tempo condutores e pedestres poderão usufruir de vias mais bem cuidadas no Distrito Industrial”, explicou o diretor presidente do IMMU, Francisco Bezerra.

Na atual etapa da obra, a avenida Oitis está interditada no trecho entre a rotatória do Armando Mendes até a rotatória da Fermazon, sentido bairro/Centro. Os veículos estão sendo desviados para avenida Autaz Mirim, para acessar a avenida Buriti, sentido Centro. A avenida Solimões mantém um trecho interditado próximo à indústria Masa, com fluxo desviado para a avenida Cupiúba. A avenida Abiurana está totalmente obstruída, cujo acesso está sendo realizado também pela Cupiúba.


Revitalização
As obras de revitalização do Distrito Industrial foram retomadas no início deste mês de outubro, após serem solucionados os entraves burocráticos, e está sendo acompanhada de perto pelo prefeito Arthur Neto. O projeto contempla a recuperação de 35 vias, incluindo paisagismo, e a reconstrução total das rotatórias da Suframa e da Samsung. Os recursos são da ordem de R$ 156 milhões, sendo R$ 136 milhões via Suframa e R$ 20 milhões de contrapartida da Prefeitura de Manaus.

Segundo o secretário municipal de Infraestrutura, Kelton Aguiar, o ritmo está acelerado. “Em alguns locais está sendo necessário destruir praticamente toda a via para recomeçar o recapeamento do zero. As equipes estão empenhadas em concluir todo o serviço no menor tempo possível, para que possamos devolver à população o Distrito Industrial totalmente revitalizado”, concluiu o secretário.

Os trabalhos no Distrito Industrial também contemplam ações de plantio de mudas e outras melhorias urbanas e paisagísticas, trabalhos coordenados pela Comissão Especial de Paisagismo e Urbanismo da prefeitura, presidida pela primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro.

Foto – Alex Pazuello / Semcom

Nenhum comentário:

Postar um comentário