Dia de confronto decisivo entre Manaus e Ferroviário, na Arena da Amazônia - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

sexta-feira, 6 de novembro de 2020

Dia de confronto decisivo entre Manaus e Ferroviário, na Arena da Amazônia



No Campeonato Brasileiro da Série C, “cada jogo é uma decisão”. A frase até parece um chavão velho e surrado, mas, na prática, sintetiza exatamente o que é uma das séries mais disputadas do País. Quem está em cima luta para se manter. Quem está fora do G4, quer entrar, e quem está na zona de perigo, o Z2, quer briga de forma desesperada para sair. Depois de um começo difícil no torneio, o MANAUSFC chegou ao G4 na décima terceira rodada após o empate em 1 a 1 contra o Paysandu (PA), no Mangueirão. Agora, a posição vai ser colocada à prova contra um postulante direto ao G4: o Ferroviário (CE). A partida será realizada neste sábado, 7/11, às 16h, na Arena da Amazônia, com transmissão pela Mycujoo e em áudio pela Manaus FC TV.

Apenas um ponto separa o Gavião do Norte e o Ferrão (18 a 17), por isso, vencer em casa é fundamental para se manter a posição na zona de classificação. E não é só pela concorrência direta com o time cearense, a Jacuipense (BA) e Paysandu (PA), que se enfrentam no domingo, 8/11, no Pituaçu, em Salvador, também estão de olho na zona de classificação. Ciente disso, o técnico do esmeraldino, Luizinho Lopes, pede pés no chão.

“É preciso manter o nível de concentração que nós estamos tendo, sobretudo no segundo turno, a sequência de pontuação nos últimos jogos com vitórias. Na mesma altura do campeonato, no primeiro turno, nós tivemos muitos empates. A equipe está sendo mais eficaz, mas é o que eu venho falando: tão difícil quanto chegar ao G4 é permanecer. É manter os pés no chão, trabalhando com muita humildade e muita concentração, porque daqui pra frente é só final”, ressalta Luizinho.

O retorno

Depois de desfalcar a equipe na última rodada, por conta de suspensão, o atacante Hamilton está de volta. Com cinco gols anotados na competição, sendo quatro deles marcados de cabeça, o centroavante do Gavião revela o segredo para ficar com a “cabeça” em dia. “Treinamento, né? Treinamento no dia a dia que a gente faz com bola parada com o Dani (Daniel Costa), a equipe está bem postada, estamos marcando gol do jeito que for. O Luis marcou no último jogo de cabeça, e se Deus quiser, se der pra gente marcar um golzinho aí...”, brincou o atacante.

Despedida

A partida marca a despedida do atacante Rodrigo Fumaça. O “FumaShow”, como ficou conhecido pela torcida do Gavião do Norte, anunciou que está de malas prontas para ir ao Distrito Federal, onde vai defender as cores do Brasiliense (DF), mas antes, ele estará na partida contra o Ferroviário. “A expectativa é melhor possível, diante desse adversário muito importante. É um confronto direto para manter a invencibilidade dentro de casa. Só o resultado positivo nos interessa, para que a gente continue no G4. Esperamos fazer nosso dever de casa como a gente tem feito bem”, disse o atacante. “Espero neste jogo manter minha regularidade. Vou dar o meu máximo como sempre faço, como sempre fiz desde que assinei com o Manaus”, prometeu o jogador.

Foto: Ismael Monteiro/MFC


Nenhum comentário:

Postar um comentário