Crianças desaparecidas Kimberly e Àgata são encontradas junto com o padrasto

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Crianças desaparecidas Kimberly e Àgata são encontradas junto com o padrasto


Na noite desta quarta-feira (30), as duas crianças, de 8 e 12 anos, que desapareceram há aproximadamente uma semana, juntamente com o padrasto delas, foram encontradas.

Participaram da ação de resgate a policial Pantera, sargento Marcelo Costa e Sargento PM Francisco Júnior, além do pai das meninas, sargento Nunes. “Nós fizemos buscas e, durante uma trilha, recebemos informações de que eles estariam no km 47 da AM-010, num ramal de difícil acesso, e, ao averiguar a veracidade da informação, encontramos os três no local”, informou a policial Pantera.

Conforme o sargento Marcelo Costa, o padrasto alega que se perdeu com as crianças num ramal e passaram algum tempo no mato, e acabaram buscando abrigo nessa residência onde foram encontrados. O padrasto conseguiu entrar em contato e informou onde estavam. “Diante da informação, nos deslocamos imediatamente para a localidade. Era um casebre no meio do mato, com roupas jogadas, motosserra, um local de péssimas condições. Concluímos o resgate e nos deslocamos para a unidade policial”, explicou.

Segundo o pai das meninas, o pior foi imaginado devido as circunstâncias do desaparecimento, que aconteceu em um igarapé, mas a família nunca perdeu a fé. “Quero agradecer as pessoas que fizeram ligações anônimas, as pessoas que nos ajudaram direta e indiretamente, a toda a Polícia Militar, a todos que não mediram esforços para nos ajudar. Nossas crianças aparentemente estão bem e nós vamos passar o Ano Novo juntos”, disse.

O sargento Marcelo Costa afirmou, ainda, que os exames necessários serão feitos em todas as vítimas do desaparecimento e que as investigações estão em andamento e as oitivas serão solicitadas.

Na tarde da última terça-feira (22/12), as crianças, do sexo feminino, desapareceram juntamente com o padrasto, conhecido como ‘Salada’, em um igarapé de um sítio no Km 26 da BR-174 (Manaus-Boa Vista). No início da tarde daquele dia, eles teriam ido tomar banho no igarapé, e desde então não foram mais vistos. As meninas são filhas de um sargento da reserva da Polícia Militar do Amazonas.

Postar um comentário

0 Comentários