LightBlog

sábado, 26 de dezembro de 2020

Noite de Natal teve duas festas clandestinas encerradas pela CIF, com quase 2 mil pessoas



Na noite de Natal (24/12), duas festas clandestinas com cerca de 2 mil pessoas foram encerradas pela Central Integrada de Fiscalização (CIF). Sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), as equipes de órgãos estaduais e municipais foram a campo fiscalizar o cumprimento das medidas do governo para o combate à Covid-19.



No Atlético Rio Negro Clube, na avenida Epaminondas, Centro de Manaus, uma festa com cerca de 500 pessoas foi a primeira a ser encerrada. Esta não foi a primeira vez que o local descumpria as medidas decretadas pelo governo para conter o avanço da pandemia.



Outra festa encerrada nesta noite ocorria no Forró Palafita, na avenida Tefé, bairro Japiim, zona sul. A estimativa é que havia em torno de 1,5 mil pessoas no local.

Na avenida Djalma Batista, um posto Shell foi autuado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) por não apresentar Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). Ao todo, sete locais foram vistoriados. Nas ações, 25 veículos também foram autuados ou notificados por diferentes irregularidades.



A CIF é composta por servidores da Secretaria de Segurança, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), Ouvidoria, Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus), Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Defesa Civil e Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU).

Imagens: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LightBlog