Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Vereador defende bandeira da Cultura, que precisa ser resgatada e dar mais valor aos artistas locais



A Câmara Municipal de Manaus realizou nesta quinta-feira (17/12) a Sessão Solene em Homenagem e Reconhecimento aos trabalhos culturais realizados na cidade de Manaus. Propositura do Vereador Márisson Roger e aprovada pela Mesa Diretora da Câmara Municipal.

Márisson Roger Reside na cidade de Manaus há 33 anos, iniciou seus estudos na Escola Estadual Agnello Bittencourt e posteriormente concluiu o ensino médio no Sólon de Lucena que desde cedo se encantou pela arte trazida das fanfarras escolares, participando ativamente durante 20 anos de eventos culturais e musicais como aluno e professor. Empenhou-se na área da música nas escolas por meio do movimento cultural de bandas e fanfarras, promovendo a civilidade aos alunos e o conhecimento fundamental para o desenvolvimento de nossa cultura.

Observando a ausência de representatividade em políticas públicas do meio cultural e das comunidades candidatou-se a vereador no pleito de 2016, obtendo 737 votos ficando em 4° lugar como suplente do Partido Progressistas.

Foi empossado vereador no dia 13 de dezembro de 2019 ocupando a vaga deixada pelo ex. vereador Tabosa. 

No período de 1 ano de mandato, realizou reuniões nas comunidades para ter conhecimento de diversas reclamações, denúncias e sugestões. Fiscalizou as obras públicas, principalmente o asfalto das comunidades que muitas vezes não são feitas da maneira correta. Levou as reclamações aos Secretários e ao Prefeito, buscando a solução das dificuldades vividas pela população. 

Indicou ao Prefeito de Manaus, criações de praças que promovam o esporte, lazer e entretenimento ajudando na economia local dos bairros. Indicou o fortalecimento das bandas e fanfarras, principal ferramenta do ensino da música nas escolas. Indicou a implementação do projeto Av. Itaúba Cultural na Zona Leste de Manaus. Indicou um centro cultural e o conservatório de música na cidade. Atuante na área cultural, tem trazido a sua importância na área social com o resgate das bandas e fanfarras incluídas nas escolas públicas do município.

É autor dos projetos de leis:

PL 22/2020 - Considera de Utilidade Pública o Instituto Musical Vila Da Barra.

PL 157/2020 – Declara como Patrimônio Cultural de natureza Imaterial do município de Manaus, as Bandas Marciais e as Fanfarras. 

PL 182/2020 - Institui o “Dia Municipal do Heavy Metal” a ser comemorado anualmente no dia 08 de junho, em homenagem ao Maestro André Matos.

PL 192/2020 - Institui no Calendário Oficial da Cidade de Manaus, o Dia Municipal das Bandas e Fanfarras, a ser comemorado, anualmente no dia 27 de março.

PL 262/2020 – Declara como Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do município de Manaus, a Orquestra de Beiradão do Amazonas - OBA.

PL 303/2020 - Dispõe sobre a instituição do evento "Festival de Bandas e Fanfarras de Manaus".

No dia 17/12 a Câmara Municipal de Manaus (CMM), homenageou com Medalha de Ouro Rodolpho Valle, aos músicos Sr. Sidinei da Silva Rosa, Sr. Ênio Wanderley Prieto, os professores de bandas marciais e fanfarras, Rosivaldo Nascimento Silva, José Arimatéia Souza Silva e os certificados de honra ao mérito aos músicos e coreógrafos, somando-se mais de 30 mestres, instrutores de bandas e fanfarras, profissionais esses que a tanto tempo vem passando por gerações e gerações o seu conhecimento musical e trazendo o resgate social para as crianças, onde a música tem uma importância primordial na construção de sua conduta, durante sessão solene, realizada nesta quinta-feira (17), no plenário Adriano Jorge, da Câmara Municipal de Manaus. A medalha foi proposta pelo vereador Márisson Roger (PP).

Na ocasião, o vereador Márisson Roger ressalta a importância do segmento da música dentro das escolas. Ele ainda destaca que, as bandas e fanfarras nascem por meio de disciplinas e honras aplicadas pelos professores e instrutores dentro das escolas. “É importante sim homenagear esses instrutores, professores e músicos que contribuem com o crescimento desse segmento, que é a música”, enfatiza.

Candidatou-se a vereador no pleito de 2020, obtendo 2.253 votos ficando em 1° lugar como suplente do Partido Progressistas. Quando se fala em cultura o vereador Márisson Roger é o que em meio a tantos nomes, é o que mais vem ganhando destaque no meio cultural para assumir a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).


Postar um comentário

0 Comentários