A responsabilidade de Arthur ao fechar hospital de campanha

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

A responsabilidade de Arthur ao fechar hospital de campanha


Como não responsabilizar o ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB) nas mortes ocorridas durante a segunda onda de Covid-19 na capital. Caso o ex-mandatário não tivesse tido a péssima ideia de fechar o hospital de campanha Gilberto Novaes, na zona Norte, muitas vidas teria sido salvas.

O hospital de campanha municipal de Manaus fechou as portas pouco mais de dois meses após a sua inauguração, enquanto esteve ativo, mais de 500 pacientes foram curados. Foi um "tiro no pé" que Arthur deu, pois essas mortes serão debitadas na sua conta. 

Ricardo Nicolau X Arthur Neto

Um dos defensores do hospital de campanha e ferrenho adversário do ex-prefeito, o deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD) criticou durante sessão extraordinária da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), que o fechamento do hospital de campanha Gilberto Novaes teria sido “um grande erro”.

Foto: Mário Oliveira - semcom


Postar um comentário

0 Comentários