CDC/Aleam retoma audiências via WhatsApp e atendimentos on-line

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

CDC/Aleam retoma audiências via WhatsApp e atendimentos on-line



Para garantir assistência aos consumidores amazonenses, a Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (CDC/Aleam) retoma a realização de audiências conciliatórias via WhatsApp e os atendimentos on-line nesta sexta-feira (22).

A retomada dos serviços 100% virtuais obedece a portaria da Aleam, que suspendeu os trabalhos presenciais na Casa Legislativa devido à pandemia da Covid-19.

“Ao retomar nossas atividades com serviços on-line, a Comissão assegura atendimento aos consumidores amazonenses. Desde de março do ano passado, quando a Casa suspendeu os trabalhos presenciais, nós readequamos o cronograma de atuação da CDC/Aleam, adotamos e aprimoramos os serviços on-line para atender a demanda dos consumidores de todo Estado”, justificou João Luiz.

Conforme o planejamento da CDC/Aleam, até o dia 28 deste mês, serão realizadas 33 audiências de conciliação. E, por meio do WhatsApp, Facebook, Instagram, Twitter e e-mail, a Comissão está realizando atendimento ao público com registro de denúncias e abertura de reclamações.

“Estamos vivendo momentos difíceis, por isso, ampliamos nossos canais de atendimento ao público para garantir a atenção às demandas consumeristas, principalmente, no que diz respeito aos serviços públicos como água e energia”, ressaltou o presidente da CDC/Aleam.

As denúncias e reclamações podem ser realizadas por meio do e-mail cdcaleam@gmail.com, WhatsApp (92) 994402019 e também pelas redes sociais do deputado João Luiz (@joaoluizam) Facebook , Instagram, Twitter.

CDC/Aleam em números

Em 2020, a CDC/Aleam realizou 1.161 audiências conciliatórias, entre presenciais e virtuais, via WhatsApp. Deste total, 749 obtiveram resolutividade, apenas 239 não tiveram acordos firmados, 100 foram remarcados e 73 arquivados por desistência do consumidor.

A CDC/Aleam contabilizou, ainda, 1.319 atendimentos e realizou 35 fiscalizações em Manaus e no interior do Estado.

Fotos: Mauro Smith

full-width

Postar um comentário

0 Comentários