Conecte-se Conosco

Amazonas

Deputado Saullo, ex-prefeito e presidente do Caprichoso são alvo de operação do MP

Publicado

em

O Ministério Público Estadual (MP-AM), por meio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (GAECO) deflagrou, na manhã desta segunda-feira (15), a Operação “Cachoeira Limpa”. Estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão em desfavor do deputado estadual Saullo Viana (PTB), do presidente do Caprichoso, Jender Lobato, do irmão dele, o vereador de Manaus, Jander Lobato (PTB), e do ex-prefeito de Presidente Figueiredo, Romeiro Mendonça.

Eles são suspeitos de integrar uma organização criminosa que desviou cerca de R$ 23 milhões no município de Presidente Figueiredo, em fraude à licitação, peculato, lavagem de dinheiro, na gestão do ex-prefeito Romeiro e do ex-vice Mário Jorge Bulbol Abrahão (2017-2020).

Ao todo, o MP cumpre 13 mandados de busca e apreensão e 12 de buscas pessoais, nas cidades de Presidente Figueiredo, Parintins e Manaus, com aproximadamente 80 policiais e conta com o apoio da Polícia Civil do Amazonas (PCAM), durante operação nominada “Cachoeira Limpa”.

A operação investiga ainda, outros servidores públicos de Figueiredo e vários empresários, como: Rosedilse de Souza Dantas, sócia da empresa RAV Construções e Transporte, atual INCAS Construções; Márcio Frota Barroso, sócio da empresa Engefort Construções, atual Diretriz Engenharia; Paulo Sampaio da Silva, sócio da empresa Amsterdam/SVX Serviços, atual Porto Serviços Profissionais, da qual o Deputado Saullo Viana atuava procurador, em substituição a sua genitora, Célia Viana.