Conecte-se Conosco

Amazonas

Mulheres privadas de liberdade participam de programação especial em alusão à Semana da Mulher

Publicado

em


Detentas do Centro de Detenção Provisória de Manaus (CDPF) participaram de uma programação com palestras e ações de saúde e beleza em comemoração ao ‘Dia Internacional da Mulher’, nesta quarta-feira (10/03). O evento foi desenvolvido pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), em parceria com a cogestora Reviver Administração Prisional Privada e a Universidade Estácio de Sá.

A abertura foi realizada na parte da manhã, pela secretária Executiva de Políticas Públicas para Mulheres da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), Ana Barrocas. Em seguida, a psicóloga Miscilene Silva ministrou a palestra “Empoderamente – acredite, você é capaz”.

A programação teve continuidade no período da tarde com reeducandas do programa “Trabalhando a Liberdade”, no Centro Feminino de Educação e Capacitação (Cefec). As mulheres privadas de liberdade fizeram hidratação capilar, design de sobrancelhas, limpeza de pele e manicure, nas ações de embelezamento. Na saúde, elas puderam realizar aferição de pressão, aplicação de flúor, entre outros.

Para Ana Barrocas, o evento é de extrema importância para essas mulheres, pois, muitas vezes a sociedade julga essas pessoas como não sendo merecedoras de atenção. “Ao contrário, a gente precisa ter um olhar diferenciado e carinhoso para com elas. E nisso eu parabenizo a Seap, por estar fazendo a diferença na vida dessas mulheres, trazendo capacitações aqui para dentro. Então, a gente vê que realmente isso vai fazer a ressocialização”.

A interna Joana (nome fictício) vê na ação uma ótima oportunidade para as mulheres crescerem e se valorizarem. “Tudo o que é feito aqui é bom para as mulheres crescerem, se profissionalizarem e elevarem sua autoestima. Eu sempre trabalhei lá fora, estou aqui por um deslize, mas creio que logo estarei com minha família de novo. Aproveito para desejar um feliz Dia da Mulher para minha mãe e minha filha”.

Durante a palestra, a psicóloga trabalhou dinâmicas motivacionais e palavras de incentivo à mudança pessoal das ouvintes. “Digam: Eu quero evoluir. Eu quero crescer profissionalmente. Eu quero ter meu próprio negócio. Eu decido mudar de comportamento, de conduta, porque eu sou capaz”, motiva Miscilene.

Fonte: Governo AM

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *