Adepam e Esudpam realizam ‘Webnário da Mulher’ nesta segunda (8)

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Adepam e Esudpam realizam ‘Webnário da Mulher’ nesta segunda (8)



Nesta segunda-feira (8), Dia Internacional da Mulher, a Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado do Amazonas (Adepam-AM) e a Escola Superior da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (Esudpam/DPE-AM) realizam o “Webnário da Mulher”, como parte de uma programação que se estende por todo o mês de março e que discute questões de gênero na perspectiva do direito das mulheres.

O evento será composto pelas palestras “Interseccionalidade para a realização dos direitos das mulheres” (14h30), ministrada pela professora Luciana de Souza Ramos, pós-doutora em Desigualdades Globais e Justiça Social; e “A mulher na Defensoria Pública” (15h30), apresentada pela defensora pública do estado do Ceará e doutora em Direito Constitucional Amélia Soares da Rocha.

Embora voltado especialmente para as defensoras e defensores públicos do Amazonas, profissionais e estudantes de direito, as aulas serão abertas ao público em geral. O webnário será realizado pela plataforma de teleconferência do Google (Google Meeting) e as inscrições podem ser realizadas no endereço digital defensoriaam.com/esudpam/cursos/.

A defensora pública e coordenadora do Núcleo de Proteção à Defesa da Mulher, Pollyana Vieira, ressalta a relevância da iniciativa da Adepam e Esudpam-DP.

“É importante para dar mais visibilidade aos temas que envolvem a diferença de gênero. Ainda não estamos e nem somos uma sociedade em que há igualdade e palestras como essas são importantes para demonstrar, discutir e acolher essa problemática, que não é apenas das mulheres, mas de toda a sociedade”, afirmou.

O presidente da Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Amazonas (Adepam), Arlindo Gonçalves, também comentou a importância do evento para profissionais do direito e a sociedade em geral.

“A data 8 de março tem significado importante para todas e todos, como forma de relembrar e reforçar as conquistas e avanços no direito à igualdade em favor das mulheres. Em pleno século XXI ainda vemos mulheres tendo direitos fundamentais vilipendiados. Todo destaque à ressignificação do papel da mulher na sociedade é essencial, e faz parte do aperfeiçoamento que se impõe à própria humanidade”, afirmou.

O diretor da Esudpam, Rafael Barbosa, também fez questão de ressaltar a necessidade de trazer à tona a discussão de gênero e vê o evento como oportunidade de aprofundar essa discussão, em especial aos profissionais e às servidoras e servidores da Defensoria Pública.

“A Esudpam fica muito fica muito feliz de poder participar juntamente com a Defensoria Geral e também com a Adepam de um evento como esse. Nós sabemos da importância do empoderamento da mulher, da necessidade de se discutir temas tão relevantes como a violência contra a mulher, a igualdade de direitos, a própria visibilidade da mulher na sociedade na sua importância. O mês de março é sem dúvida um momento propício para esse tipo de discussão”, declarou.

Vídeos

De acordo com o presidente Arlindo Gonçalves, a Adepam irá produzir e divulgar, durante todo o mês de março, vídeos com personalidades femininas, tanto do direito quanto da sociedade em geral, para abordar e refletir sobre o papel da mulher no século XXI. Os vídeos serão publicados nos stories do Instagram da Adepam a partir do dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher.


Postar um comentário

0 Comentários