Após 42 dias em coma com Covid-19, homem deixa UTI e ganha na Mega-Sena

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Após 42 dias em coma com Covid-19, homem deixa UTI e ganha na Mega-Sena



O analista de sistemas Rogério Maria, de 51 anos foi diagnosticado com a Covid-19 e passou 68 dias internado, destes 42 foram em coma induzido, entubado. A alta e recuperação da doença dividiram espaço com a sorte, ele ganhou num bolão parte do prêmio da Mega-Sena da Virada em 2020.

Rogério precisou de uma traqueostomia. Teve pneumonia e infecção bacteriana devido a baixa imunidade e o longo período de internação. Os pulmões chegaram a ficar 80% comprometidos. Ele ainda teve trombose generalizada e foi submetido a 28 dias de hemodiálise.

A família do analista chegou a ser chamada duas vezes para se despedir dele, tamanha gravidade do seu quadro de saúde. Durante o coma, a família realizou um pedido de auxílio por internação médica ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), mas foi negado.



A justificativa do órgão, segundo Rogério, foi que ele estaria apto a trabalhar, mesmo com o atestado de coma expedido pelo hospital. Após novas tentativas, a família conseguiu receber apenas uma parcela do valor total. Após a alta do hospital, Rogério teve que fazer fisioterapia para voltar a andar, além de ter perda de peso, de cabelo e da memória recente.

Em dezembro, a família recorreu a uma vaquinha online para ajudar nas despesas com o tratamento. Não imaginavam que teriam sorte com um bolão da Mega-Sena da Virada. O grupo no qual Rogério estava acertou cinco dezenas, e cada um recebeu o valor líquido de R$ 7.325,26.

O analista ainda está se recuperando, mas já sente que este é um recomeço. "Sou um cara alegre, estou voltando a sorrir. É uma batalha diária e minha superação está acontecendo. Tudo isso me fez dar valor às pequenas coisas da vida.", afirma.


Fonte: Interior Ne10

Postar um comentário

0 Comentários