DIREITO DE RESPOSTA

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

DIREITO DE RESPOSTA



“Antes de qualquer coisa, a Sra. Andreia Maia não é viúva de Emerson Maia, pois a mesma pediu o divórcio mais de 02 (dois) anos antes do triste falecimento deste, Andreia é ex-esposa, não viúva, apesar de se utilizar deste título para se promover publicamente.

Andreia não reside no local onde funciona o empreendimento da família há mais de 02 (dois) anos, antes mesmo de formalizar o divórcio, sendo este administrado exclusivamente pelos filhos de Emerson Maia, Osmar e Emerson, os quais já cuidavam de tudo mesmo enquanto Andreia convivia com Emerson, ela nunca trabalhou na empresa, que só foi registrada em seu nome por complicações administrativas e fiscais que envolviam o nome de Emerson Maia.

Quanto a ser impedida de adentrar ao local, esta não reside mais no local, nem trabalha ali, não possui domicílio no local, não tendo o direito de ali adentrar sem o consentimento daqueles que ali residem e trabalham.

Nunca foram realizadas quaisquer ameaças contra Andreia, toda a atuação de Emerson (filho) e Osmar estão pautadas no acordo formulado na ação de divórcio, o qual não pode ser exibido publicamente por tramitar sob sigilo. Além disso, Osmar foi nomeado inventariante na ação que tramita junto à 1a Vara da Comarca de Parintins, sob o no. 0001826-90.2020.8.04.6301, também sob sigilo, tendo total legitimidade para administrar os bens e a empresa, podendo se opor a quem julgar necessário.

Quanto à alegação de que a empresa é de propriedade de Andreia, tal alegação é totalmente infundada, pois, conforme é de seu conhecimento, esta renunciou a todos os bens em favor de Emerson, inclusive a empresa, tudo formalizado nos autos da ação de divórcio.

Quanto aos filhos de Andreia e Emerson, dois menores, Osmar, na condição de Inventariante continuou a pagar mensalmente a pensão alimentícia devida aos dois.

Por último, informam que já estão sendo tomadas todas as medidas criminais cabíveis contra a Sra. Andreia, por todos os crimes praticados pela mesma no vídeo que divulgou em sua página do Facebook.”



Parintins, 09 de março de 2021

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Ótimo. Detesto baixaria ou me expor em público, mas meus filhos foram expostos por uma inescrupulosa, mentirosa e sem a menor postura, aliás própria de onde ela vem. Se tivesse o mínimo de educação familiar não se prestaria a um papel desse. E mais ainda, quando sabe que os bens vem da minha família, do meu pai e de mim, que trabalhei muito para manter o imóvel, nada caiu do céu... Só para ela que se vendeu e vivia às custas do trabalho alheio e o pior, continua vivendo. Nunca foi dada a um trabalho.n

    ResponderExcluir