Mesmo vacinado, Alberto Fernández, presidente da Argentina, testa positivo para Covid-19

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Mesmo vacinado, Alberto Fernández, presidente da Argentina, testa positivo para Covid-19



O presidente da Argentina, Alberto Fernández, disse neste sábado (3) que testou positivo para covid-19. Ele realizou um exame de antígeno depois de apresentar sintomas leves: febre baixa e dor de cabeça.Fernández aguarda resultado do PCR. Presidente argentino foi vacinado com duas doses da Sputnik V.

No Twitter, o chefe executivo argentino contou que se sente bem e já está isolado e seguindo os protocolos recomendados. O político completou 62 anos na sexta-feira.

“Queria comunicar que ao fim do dia, depois de apresentar febre de 37,3 graus e uma leve dor de cabeça, realizei um teste de antígeno cujo resultado foi positivo. Apesar de estarmos aguardando a confirmação pelo teste PCR, já estou isolado, cumprindo o protocolo vigente e seguindo as indicações do meu médico pessoal”, escreveu Fernández. O presidente argentino acrescentou que as pessoas que se reuniram com ele nas últimas 48 horas foram avisadas para que também cumpram isolamento e que ele está bem “fisicamente e de ânimo”.

O líder argentino, que completou 62 anos nesta sexta-feira (2).

“Para informação de todos e todas, me encontro bem fisicamente e, embora quisesse terminar o dia do meu aniversário sem essa notícia, também estou de bom humor”, publicou o presidente da Argentina, que agradeceu pelas mensagens de parabéns.

Fernández tomou a primeira dose da vacina russa Sputnik V em 21 de janeiro. Segundo o jornal argentino Clarín, o presidente recebeu a segunda dose três semanas depois. O imunizante, que foi adotado para vacinação em massa na Argentina, tem eficácia geral de 91,6% contra o coronavírus, embora seu desempenho contra as novas variantes ainda seja incerto.


Foto: Pool
Fonte: Gazeta Brasil


Postar um comentário

0 Comentários