Primeira ‘feira flutuante’ do país, na Manaus Moderna é entregue à população

Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Primeira ‘feira flutuante’ do país, na Manaus Moderna é entregue à população



O prefeito de Manaus, David Almeida, inaugurou, nesta quarta-feira, 19/5, a feira flutuante da Manaus Moderna, no Centro, a primeira com essa estrutura no Brasil. A balsa irá abrigar 221 permissionários atingidos pela cheia do rio Negro, com mais dignidade e conforto pelos próximos três meses, tempo estimado para que aconteça a vazante. A entrega da estrutura coincidiu com o nível do rio alcançando 29,77 metros, a mesma de 2009, sendo a segunda maior cheia dos últimos cem anos.

Durante a cerimônia de inauguração, o chefe do Executivo municipal não escondeu a satisfação em conseguir concluir a construção da “1ª Feira Flutuante do Brasil” em apenas sete dias e entregar para os trabalhadores do setor, que, em anos anteriores, tinham de montar suas barracas na beira da avenida Lourenço da Silva Braga, Centro.

"Estamos entregando uma obra bonita, confortável e digna para os feirantes. Nosso secretário da Semacc (Renato Júnior, Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal) é de uma família de feirantes. Eu também sou de família de feirantes, cresci dentro dos mercados. Então, não poderia perder a oportunidade, como prefeito, de resgatar a dignidade desses trabalhadores da cidade de Manaus", enfatizou Almeida.

O vice-prefeito, titular da secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) e presidente do Comitê Gestor de Pronta-Resposta, responsável pela operação “Cheia 2021”, Marcos Rotta, também destacou a importância da estrutura. "É um marco histórico para a cidade de Manaus e para os feirantes. Isso foi uma visão do prefeito David e conseguimos, em parceria com a Semacc, Semulsp (Secretaria Municipal de Limpeza Urbana), Casa Militar e demais secretarias, entregar uma obra segura, bonita e confortável para a população. É um dia feliz para a nossa cidade, pois inauguramos a primeira feira flutuante do país", disse Rotta.

Estrutura

A nova feira contém 221 boxes destinados ao setor do peixe e da carne. Além disso, a prefeitura instalou banheiros químicos e uma rede de tratamento de água, para garantir que nenhum dejeto seja lançado no rio.

O titular da Semacc, Renato Júnior, afirmou se sentir honrado por fazer parte da gestão que resgatou a dignidade dos permissionários de Manaus. "É uma honra poder entregar essa obra para Manaus e para os feirantes. O prefeito está entregando a dignidade para os permissionários, que há muitos anos não tiveram esse reconhecimento. Um filho de administrador de feiras, resgatando esse respeito e dignidade aos feirantes, nesse momento em que Manaus está vivendo uma das maiores cheias da história. Foi tudo feito em tempo recorde, mas com todo o conforto que o setor merece", finalizou.

Ação integrada

A construção da feira flutuante da Manaus Moderna foi iniciada no último dia 11, a partir de uma ação integrada da Semacc com as secretarias municipais de Infraestrutura (Seminf) e de Limpeza Urbana (Semulsp).

Os trabalhos também contaram com o acompanhamento constante e vistoria da obra pelos titulares da Casa Militar e do Fundo Manaus Solidária, que realizam ações de combate aos problemas causados pela cheia. Além do apoio da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) e da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), que fiscalizou os serviços realizados no local pelas concessionárias de água e de iluminação pública.


Texto – Thiago Fernando/Semcom
Fotos – Ruan Sousa/Semcom


Postar um comentário

0 Comentários