Conecte-se Conosco

Amazonas

Governador do Amazonas cancelou ida a Brasília antes de decisão do STF, diz site

Publicado

em

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), se mostrou confiante de que conseguiria um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) para não depor à CPI da Covid no Senado, nesta quinta-feira (10/6).

Segundo apurou a coluna, a confiança era tanta que o governador amazonense cancelou a viagem a Brasília nessa quarta-feira, (9/6), antes mesmo de a ministra Rosa Weber dar decisão favorável a ele.

A previsão inicial era de que Lima voasse para a capital federal no fim da tarde de quarta-feira, em um jato particular. O governador, porém, cancelou a viagem. A decisão de Rosa Weber só saiu por volta das 23h.

À coluna, o advogado do governador, Nabor Bulhões, explicou que o cliente estava “impossibilitado” de comparecer à CPI nesta quinta-feira, pois está concentrado na crise de segurança pública em Manaus.

“Em qualquer caso, ele comunicaria a impossibilidade de comparecer à CPI hoje. Se tivesse que ir, pediria para adiar. Ele está num momento particularmente difícil em Manaus”, afirmou o advogado.

Com informações da Coluna de Igor Gadelha, do site Metropoles.