Conecte-se Conosco

Nacional

Com dores abdominais, Bolsonaro é internado em hospital de Brasília

Publicado

em

Foto: Adriano Machado/Reuters

O presidente Jair Bolsonaro vem se tratando no Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília-DF, desde o último sábado (10). Naquela noite, Bolsonaro chegou por volta de 21h30, passou a madrugada e foi encaminhado à ala de tomografia na manhã de domingo (11).

Já na madrugada desta quarta (14), Bolsonaro foi novamente internado — desta vez, com dores abdominais. Ainda não há detalhes do estado de saúde. Inicialmente, estafe do presidente disse apenas que uma reunião prevista para hoje, entre os presidentes dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo, foi suspensa “por conta do problema de saúde dele”. Depois, confirmou a internação e disse que “o presidente ficará sob observação, no período de 24 a 48 horas, não necessariamente no hospital”. “Ele está animado e passa bem”, finaliza a nota.

Bolsonaro é atendido pelo cirurgião Antônio Luiz Macedo, responsável pela cirurgia mais recente pela qual o presidente passou.

Há uma semana, Bolsonaro vem sofrendo com uma crise de soluços. Ele chegou a falar a apoiadores que o problema teria sido causado devido a um implante dentário feito no dia 2 deste mês. “Já aconteceu comigo no passado. Talvez, em função dos remédios que eu estou tomando, eu estou 24 horas por dia com soluço”, disse Bolsonaro à rádio Guaíba, do Rio Grande do Sul.

De lá para cá, algumas aparições públicas do presidente evidenciam o problema.

Três dias antes, na sexta (9), Bolsonaro estava em um restaurante em Bento Gonçalves-RS, quando teve uma crise de soluço e precisou deixar o local. Horas antes, o presidente já havia dito a apoiadores que evitaria falar muito para preservar a voz devido ao problema.

Fonte: Jornal de Brasília