Conecte-se Conosco

Prefeitura

Escola da Prefeitura de Manaus realiza projeto sobre educação financeira ‘Criança Cidadã’

Publicado

em

Com o objetivo de apresentar às crianças os conceitos básicos dos tributos e a destinação dos recursos públicos em benefício da sociedade de maneira transversal, a Prefeitura de Manaus realizou nesta terça e quarta-feira, 27 e 28/7, o projeto “Criança Cidadã”. Com o tema “Sou criança, sou contribuinte e estou aprendendo a fiscalizar, nas brincadeiras vou aprendendo”, a ação lúdica, executada pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), ocorreu no Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Abelhinha, no bairro Coroado, zona Leste, que atende 476 alunos, de 4 e 5 anos de idade.

Com a atividade, o Cmei Abelhinha dinamiza o currículo escolar por meio de experiências vivenciadas do cotidiano adulto, além de desenvolver nas crianças noções de matemática, linguagem oral e escrita.

Nesta ação recreativa, as professoras montaram, em sala de aula, um supermercado com vários tipos de produtos e explicaram aos alunos que todos os bens produzidos possuem impostos embutidos.  Além de elucidar que cada gênero, tipo ou marca de um determinado produto à venda gerará impostos para o país, onde, posteriormente, serão reinvestidos em educação, saúde, segurança e infraestrutura.

Há cinco anos ocorrem projetos como esse na unidade de ensino. A gestora Regina Coeli Martins comentou sobre a parceria entre a escola e os pais dos estudantes.

“Neste ano, conseguimos uma ótima parceria com os pais, assim foi possível montarmos o nosso ‘supermercado’. Houve uma reunião em que explicamos e pedimos apoio para o projeto, no sentido de mandar as embalagens, e assim os alunos foram montando os itens junto com as professoras. Com isso, trabalhamos também a coordenação motora das crianças”, pontuou.

A professora Maria Jucely Oliveira destacou os impactos positivos da ação no ensino e aprendizagem dos alunos.

“As crianças aprenderam sobre cidadania, conhecendo seus direitos e deveres como cidadãos, e sobre os tributos, entendendo para onde vai o dinheiro pago, além de aprenderem mais sobre matemática nesta ação e a importância de uma alimentação saudável”, completou.

Texto  Érica Marinho / Semed

Fotos – Marinho Ramos / Semcom