Conecte-se Conosco

Política

Pesquisa aponta que Delegado Pablo é o deputado do AM que menos usou recursos públicos

Publicado

em

A Câmara dos Deputados divulgou nesta semana a lista com os recursos públicos usados pelos parlamentares entre os dias 1º de janeiro a 31 de julho deste ano. Entre os deputados do Amazonas, o que menos usou a verba parlamentar foi o Delegado Pablo (PSL), que cumpre o primeiro mandato no Congresso Nacional.

Segundo o portal da Câmara dos Deputados (www.camara.leg.br), Pablo foi o que menos usou cota para o exercício da atividade parlamentar. Entre os meses de janeiro a julho de 2021, Pablo usou R$ 85,5 mil.

O valor é bem abaixou do usado por outros deputados, que no mesmo período chegaram a gastar R$ 460 mil.

Pablo disse que ao assumir o cargo de deputado, em fevereiro de 2019, garantiu ao povo do Amazonas que realizaria um mandato transparente e zelando pelos recursos públicos.

“Quem paga o salário e os custos dos deputados é o povo brasileiro, por isso temos que agir com transparência e zelo no uso dos recursos públicos”, explicou Pablo.

Desde que chegou a Brasília, o deputado abriu mão do auxílio moradia pago pela Câmara dos Deputados, no valor mensal de R$ 4.250.

Para economizar os recursos públicos, Pablo preferiu usar um dos imóveis funcionais cedidos pela Câmara. Com a decisão, Pablo economizou até hoje mais de R$ 552 mil em verbas públicas, que podem ser usadas em outras áreas em benefício da população.

No balanço divulgado pela Câmara, é possível conferir também a produção legislativa de cada parlamentar.

Nos primeiros seis meses do ano, Pablo foi um dos que mais participou de votações nominais no plenário da Câmara. Foram 378 votações e nenhuma falta, segundo confirma o Portal do Legislativo Federal.

Nesse período, Pablo esteve em 131 reuniões de comissões, como as que analisam o combate à violência, facções criminosas e o tráfico de drogas, além das reuniões em defesa da Zona Franca de Manaus e da Amazônia.

“Meu compromisso é com o povo do Amazonas, que deu a mim o voto de confiança para representar todos amazonenses e defender os interesses do nosso Estado no Parlamento Federal”, concluiu Pablo.

Para economizar os recursos públicos, Pablo preferiu usar um dos imóveis funcionais cedidos pela Câmara. Com a decisão, Pablo economizou até hoje mais de R$ 552 mil em verbas públicas, que podem ser usadas em outras áreas em benefício da população.

No balanço divulgado pela Câmara, é possível conferir também a produção legislativa de cada parlamentar.

Nos primeiros seis meses do ano, Pablo foi um dos que mais participou de votações nominais no plenário da Câmara. Foram 378 votações e nenhuma falta, segundo confirma o Portal do Legislativo Federal.

Nesse período, Pablo esteve em 131 reuniões de comissões, como as que analisam o combate à violência, facções criminosas e o tráfico de drogas, além das reuniões em defesa da Zona Franca de Manaus e da Amazônia.

“Meu compromisso é com o povo do Amazonas, que deu a mim o voto de confiança para representar todos amazonenses e defender os interesses do nosso Estado no Parlamento Federal”, concluiu Pablo.