Conecte-se Conosco

Polícia

Carga de botijões de gás e piches avaliados em mais de R$ 1 milhão é apreendida nas proximidades da Ponte Rio Negro

Publicado

em

Durante patrulhamento fluvial, policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), apreenderam mais de cinco mil botijas de gás de cozinha sem documentação. A carga foi localizada em um porto, nas proximidades da Ponte Rio Negro, na zona oeste de Manaus, por volta das 12h, desta segunda-feira (09/08). Além das botijas, 84 mil litros de piche também foram apreendidos.  De acordo com os policiais, os ilícitos estão avaliados em mais de R$ 1 milhão.

Segundo o tenente Tiago Ribeiro, durante o patrulhamento fluvial foi avistada uma balsa identificada como Tomaz I, que transportava produto perigoso como GLP (gás liquefeito de petróleo) e piche. Ao ser abordado, o proprietário da embarcação não apresentou documentação que libera o transporte do material. “É uma carga muito perigosa e se faz necessário ter uma licença para transportar esse material, que em uma situação de sinistro, pode causar danos ambientais irreversíveis”, informou.

Ainda segundo o oficial, denúncias de crimes ambientais podem ser feitas via linha direta do batalhão (92) 98842-1553. “O batalhão ambiental está na rua 24 horas por dia, patrulhando as áreas da cidade para coibir a entrada de material ilícito”, afirmou Tiago Ribeiro

A balsa e o material sem licença foram apreendidos. Ao todo, foram 5.820 mil botijas. O proprietário da embarcação foi detido e levado ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Santo Agostinho, para os procedimentos cabíveis.