Conecte-se Conosco

Internacional

Tornados no Kentucky: Biden declara emergência federal

Publicado

em

Estado passou por uma das priores séries de tornados do país

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, declarou estado de emergência federal no estado do Kentucky que passou por “uma das piores séries de tornados” da história do país. O governador Andy Beshear disse que o número de mortes pode ser inferior ao previsto.

“É uma tragédia, e não sabemos ainda quantas vidas se perderam, nem a extensão total dos danos”, declarou Biden.

As agências federais de resposta a catástrofes já começaram a se deslocar para a região, afirmou Biden, prometendo que “o Estado fará tudo o que puder para ajudar”.

O estado de emergência foi declarado no Kentucky e poderá ser decretado nos outros estados mais gravemente atingidos pela catástrofe, como o Illinois e o Tennessee, se os governadores solicitarem.

A declaração de emergência agiliza o processo de disponibilização de ajuda federal para fazer face aos danos causados pelas tempestades e tornados que arrasaram boa parte do estado.

Biden acrescentou que pretende deslocar-se ao Kentucky, destacando que não quer “obstruir as operações de socorro”.

Número de mortos 

Andy Beshear, que tinha adiantado um número de mortes superior a 100, reviu o número e, ao final da tarde desse domingo (12), afirmou que o número de mortes pode chegar a 50.

“Estamos a rezar para que as estimativas iniciais estejam erradas. Se assim for será muito bom”, afirmou Beshear.

Os tornados destruíram quase totalmente o município de Mayfield, no Kentucky, onde as equipes de resgate prosseguem com as buscas para encontrar sobreviventes.

Numa fábrica de velas, onde estavam 110 pessoas, foram confirmadas oito mortes e oito pessoas continuam desaparecidas. Bob Ferguson, porta-voz da Mayfield Consumer Products, revelou que 90 pessoas já tinham sido localizadas, número que as autoridades buscam confirmar. 

“Ainda estamos recebendo informações sobre a fábrica de velas. O proprietário entrou em contato connosco e acredita ter informações diferentes. Estamos tentando verificar. Se assim for, pode ser uma situação melhor e o milagre que esperávamos”, acrescentou Beshear.

Em Illinois, um armazém da gigante de comércio online Amazon desabou durante a noite após a passagem do tornado, deixando seis mortos.

No Arkansas, pelo menos duas pessoas morreram e várias ficaram presas em um lar de idosos, depois de um tornado ter atingido o edifício. Quatro pessoas morreram no estado do Tennessee e duas no Missouri.

Mais de 30 tornados em sete estados

Uma forte tempestade atravessou a bacia do Mississipi e partes do sudeste e centro-oeste dos Estados Unidos na noite de sexta-feira (10), gerando mais de 30 tornados que deixaram um rastro de destruição em seis estados – Arkansas, Illinois, Kentucky, Missouri, Mississípi e Tennessee.

Mayfield, uma comunidade com cerca de 10 mil habitantes no sudoeste de Kentucky, foi a mais afetada pela série de tornados com grande parte dos prédios praticamente destruídos.

O Kentucky, na parte centro-leste do país, foi particularmente atingido pelo fenômeno climático violento, que afeta sobretudo as vastas planícies americanas, com colunas negras a varrer o solo, iluminadas por relâmpagos intermitentes.

Um especialista em clima afirmou ao The Guardian que a primavera é a estação principal dos tornados e que é uma situação muito incomum em dezembro, quando está mais frio, o que normalmente limita a formação do fenômeno.

Os Estados Unidos registram, em média, mais de 1.200 tornados anualmente.

Foto: David Carson/St. Louis Post-Dispatch via AP
Fonte: Agência Brasil