Conecte-se Conosco

Amazonas

Voo de balão em Manaus-AM marca celebrações dos 80 anos do Basa

Publicado

em

Na próxima quinta, 23 de junho, haverá passeio de balão e distribuição de sementes de árvores para clientes, colaboradores e parceiros

Um balão de ar quente de 27 metros vai marcar as comemorações dos 80 anos do Banco da Amazônia (Basa), em Manaus, no Amazonas, na próxima quinta-feira, 23, a partir das 17 horas, no Complexo Praia da Ponta Negra – Área de Estacionamento. A ação de balão foi escolhida para representar a presença do Banco na região. Cada unidade do Banco é simbolizada por balões de gás que flutuam sobre cidades, florestas e empreendimentos amazônicos, o clima é de festa e de celebração.

O superintendente regional Esmar Prado, explica que o balão vai funcionar na modalidade Voo Cativo, onde ele se desloca verticalmente, preso ao solo por cordas, atingindo a altura máxima de 40 metros, levando dois passageiros, juntamente com o balonista, em cada viagem. “Além da ação balão, faremos a entrega de 80 mil sementes de árvores nativas da região Amazônica e entregaremos para os clientes”, informou.

As sementes são usadas para marcar o foco que o Banco tem hoje em uma Agenda Ambiental, Social e de Governança (ASG) com maior robustez. “O Banco não atua apenas ofertando crédito e desenvolvendo a Amazônia no aspecto econômico, a Instituição também amplia sua responsabilidade socioambiental, através de programas corporativos, políticas socioambientais, de patrocínios, ações de voluntariado”, explicou o presidente do Basa, Valdecir Tose.

Os eventos já foram realizados nos estados do Acre, Rondônia, Mato Grosso, Tocantins, Maranhão, Pará, Amapá. O encerramento será no estado de Roraima.

80 anos do Basa

O Banco da Amazônia (Basa) é a maior instituição financeira de desenvolvimento da região amazônica que completa 80 anos de existência no dia 9 de julho de 2022. O Basa é o maior agente financeiro do governo federal na região Amazônica para promoção do desenvolvimento regional.

Em constantes mudanças desde o seu nascimento, que foi fruto de um acordo entre o Brasil e os Estados Unidos, em 1942, para promover a paz e a liberdade no mundo. A instituição foi criada como Banco de Crédito da Borracha para apoiar os países aliados durante a Segunda Guerra Mundial contra os nazistas. Assim, o Banco traz em seu foco a preservação da paz e da liberdade de empreender e de crescer.

Para 2022, temos a previsão de transformar mais 10 Agências para o novo modelo BASA Negócios e abrir 4 novas Unidades – Breves (PA), Lagoa da Confusão (TO), Machadinho D’Oeste (RO) e Rorainópolis (RR). Com este novo modelo poderemos expandir de forma consistente e aumentar nossa capilaridade fortalecendo a presença do Banco na região, informou o presidente do Basa, Valdecir Tose.

A instituição atinge seus 80 anos, sendo o responsável por 64% do crédito de fomento da região amazônica, operando com outras fontes de recursos, além do FNO, como Fundo de Desenvolvimento da Amazônia (FDA), Orçamento Geral da União (OGU), BNDES e Fundo da Marinha Mercante (FMM). Com esses recursos, a Instituição oferece grande gama de produtos voltados para a sustentabilidade e avanços tecnológicos significativos, ofertando meios digitais aos clientes para dar maior agilidade e comodidade como o Internet Banking, o Mobile Banking, o BASA Digital, uma solução composta por aplicativo e portal web que facilita às linhas de crédito do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) e fornece aos agentes de crédito credenciados um ambiente integrado. Parceria com startups, captação de novos fundings para além do FNO e análise de crédito automatizada. “O interessado no crédito esperava meses para receber uma resposta que agora leva segundos”, revela Valdecir Tose.