Conecte-se Conosco

Amazonas

Manaus recebe alerta para o aumento do número de casos de covid-19

Publicado

em

O aumento de novos casos de coronavírus (covid) em Manaus fizeram o sistema de saúde da prefeitura soltar um alerta de risco.

Conforme boletim deste domingo (26), nas últimas 24 horas, até às 10h de hoje, 65 pessoas foram confirmadas com a doença.

Ao mesmo tempo, os demais 61 municípios do Amazonas registravam só dois casos, em Itacoatiara e Boca do Acre.

Todavia, os números observados na semana em Manaus é que acenderam a luz vermelha. Deste a terça (21) os casos vinham em ascensão. Foram 68 infectados nesse dia, mais que dobrando 24 horas depois, para 132, e nova explosão na quinta, com 215 casos.

Nesse dia, porquanto, os hospitais em Manaus tinham 20 internados, sendo quatro em UTI.

Detalhe:  desses, oito não tinham tomado uma dose sequer de vacina contra a covid, e 11 ficaram na primeira dose.

De acordo com a prefeitura, até o dia 24 de junho haviam 211.176 manauenses que não compareceram para a primeira dose. E 270.009 que pararam na primeira. O contingente de quem se negou à terceira dose, então, explode: mais de 718,5 mil.

Dessa forma, a Secretaria de Saúde do município, a Semsa, viu a necessidade de fazer no dia 24 esse alerta diante do cenário que preocupa. Embora os novos casos não venham se convertendo, como em 2020 e 2021, em explosão de internações e mortes.

Até nem há registro de óbitos pela covid em seguidos dias dos últimos três meses, pelo menos.

Contudo, a recomendação para os profissionais de saúde e população da capital é que pontos do decreto 5.282, de 29 de março de 2022, sejam observados.

Sobretudo quanto ao uso da máscara protegendo boca e nariz. Além dos idosos, os usuários do transporte público, incluindo motoristas e cobradores, devem usar o equipamento.

Ao mesmo tempo, orienta os gestores para que o atendimento nas unidades seja de prioridade ao suspeito ou doente de covid.

Outra providência que a Semsa deve adotar é a ampliação de testes rápidos de antígenos e RT-PCR.

Vacina, o chamado continua

A vacina é considerada o melhor escudo contra a covid. Por isso a Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado insistem que todos se imunizem.

A partir desta segunda (27), a prefeitura tem 55 pontos de vacinação espalhados em toda a cidade.

Dessa forma, em qualquer um deles é possível tomar da primeira à quarta dose.

A terceira dose está liberada para o público a partir de 12 anos. E a quarta, a partir dos 40 anos.

Conforme o governo, até agora foram aplicadas 7,3 milhões de doses no Amazonas. Contudo, só 2,6 milhões são da segunda dose, e 1,2 milhão da terceira e apenas 147,1 mil da quarta, estas duas últimas chamadas de reforço.

Em Manaus, desse volume, foram aplicadas 4,3 milhões.