Conecte-se Conosco

Prefeitura

Prefeito David Almeida participa do lançamento do novo sistema de compliance da Cigás

Publicado

em

O prefeito de Manaus, David Almeida, participou, nesta terça-feira, 28/6, do lançamento do novo sistema de compliance da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás). O evento aconteceu na sede da empresa, localizada na avenida Torquato Tapajós, bairro Flores, e contou com a participação do governador do Amazonas, Wilson Lima.

“Parabenizo a iniciativa da Cigás. Iniciamos tratativas nesse sentido quando estive governador do Estado e agora, na Prefeitura de Manaus, estamos implementando também as regras de compliance em vista a necessidade para a gestão pública em relação às questões administrativas, toda transparência e administração. Ações como essa são importantes, pois comprovam a seriedade da gestão”, enfatizou o prefeito.

A ação, idealizada pela Gerência de Governança, Riscos e Compliance (GEGRC) da companhia, marcou a abertura da semana de imersão ao sistema que visa integrar e aumentar a transparência das ações realizadas pela Cigás, tornando-se base para nortear os objetivos estabelecidos a partir deste ano.

Para o governador Wilson Lima, a implantação do programa irá exigir um esforço extra dos servidores, visto que as exigências aumentam, colocando a Cigás no mesmo nível de outras companhias nacionais.

“Hoje fiz questão de vir aqui, porque considero da maior importância a iniciativa que está sendo tomada pela Cigás da implantação desse programa de compliance, para que possamos ajustar, continuar seguindo as regras e adequar o que for necessário na legislação vigente. Você implantar um programa como esse é tirar a companhia da zona de conforto, porque terá que melhorar todos os dias e isso exige esforço. Mas isso é importante para que possamos colocar a Cigás em um nível de excelência que seja referência nacional”, afirmou Lima.

Parcerias

Durante o evento, o prefeito David Almeida revelou que irá iniciar tratativas com representantes do setor privado, para firmar parcerias público-privadas com o intuito de dividir a administração de espaços públicos, como o parque do Mindu e o Centro Social Urbano (CSU).

“Não perderia a oportunidade fazer alguns pedidos, incluindo a da responsabilidade das empresas que prestam serviços na nossa cidade. Tenho buscado a parceria com vários poderes para conseguir investir na nossa cidade. Agora, vamos atrás de parcerias com o setor privado para administrar espaços públicos, como parques e praças. Manaus deu tudo para nós e precisamos devolver um pouco para a nossa terra. Essa prática já é comum em várias cidades pelo mundo e estamos querendo implementar isso em Manaus também”, concluiu.

Texto – Thiago Fernando/Semcom

Fotos – Dhyeizo Lemos/Semcom